"Um adiamento é um adiamento, não resolve o problema", afirmou May, em conferência de imprensa, após a cimeira UE-Liga Árabe.

A chefe do Governo britânico vincou que uma prorrogação do artigo 50.º "não oferece uma decisão no parlamento, não oferece um acordo".

"Está ao nosso alcance sair com um acordo a 29 de março é nisso que todas as minhas energias vão estar concentradas", acrescentou a líder conservadora.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.