A PSP indica em comunicado que, por causa do jogo de quarta-feira entre o FC Porto e a equipa inglesa Liverpool, levou a cabo uma operação de “policiamento de cidade, desenvolvida nas zonas de concentração, diversão, alojamento e itinerários, bem como no complexo desportivo”.

Segundo a PSP, “os objetivos a que se propôs para o acontecimento desportivo em questão, foram cumpridos”, nomeadamente no que diz respeito a “manutenção da ordem pública, garantia de condições de segurança necessárias para a realização do jogo, sustendo ou dirimindo situações e atos propensos a originar violência, regularização rodoviária, segurança das equipas intervenientes no evento desportivo, assim como o acompanhamento e encaminhamento dos adeptos das equipas envolvidas”.

Desta operação resultou a detenção de um homem que, pelas 18:15 de quarta-feira, se encontrava a vender dois bilhetes para o jogo de forma ilícita nas imediações do Estádio do Dragão.

Segundo fonte da PSP, o suspeito foi notificado para que estivesse na manhã de hoje no Tribunal de Instrução Criminal do Porto, tendo ficado com termo de identidade e residência.

No decorrer da mesma operação foi intercetado, na avenida dos Aliados, pelas 18:55, um homem suspeito de furtar um telemóvel e o respetivo carregador a um adepto inglês do Liverpool que não quis apresentar queixa.

Segundo o site oficial do FC Porto, o jogo teve uma assistência de 47.718 pessoas, dos quais 3.400 eram adeptos do Liverpool.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.