“Enfim, a solução é evidente para todos. Usar toda a capacidade instalada de saúde que temos em Portugal e que ao dia de hoje continua a não ser utilizada”, afirmou o candidato apoiado pela Iniciativa Liberal (IL), instado a comentar a pressão relatada por alguns hospitais por causa da covid-19.

Para Tiago Mayan Gonçalves, “é absolutamente incompreensível, é quase desesperante que isso não esteja a ocorrer ao dia de hoje”, em que se chegou a “um cenário quase de guerra” em hospitais como o de Torres Vedras, Santa Maria ou Garcia da Horta”.

“E é incompreensível como é que, da parte da oferta social e privada de saúde, havendo capacidade, por mínima que seja, não esteja a ser utilizada”, frisou.

O candidato mostrou-se ainda “sem palavras” perante o silêncio das autoridades de saúde sobre este assunto.

“É absolutamente necessário que o Ministério da Saúde resolva este problema de uma vez por todas e use toda a capacidade instalada” de saúde do país, reiterou.

O presidente da Associação Nacional de Médicos de Saúde Pública, Ricardo Mexia, considerou no sábado “absolutamente insustentável” a situação vivida atualmente em Portugal na prestação de cuidados de saúde no âmbito da pandemia da covid-19.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.