Segundo a mesma fonte, o acidente deu-se às 07:10 na avenida João Paulo II, e acorreram ao local, além daquela corporação de bombeiros, a Polícia de Segurança Pública (PSP) e o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).

"As vítimas estavam encarceradas, pelo que foi preciso proceder à desencarceração das mesmas. Infelizmente, o homem, na casa dos 30, morreu no local e a menina foi ferida com gravidade e transportada para o Hospital de Braga", explicou a fonte.

À Lusa, fonte do Hospital de Braga confirmou que "o estado da criança é grave".

Testemunhas no local explicaram ao bombeiros que o carro seguia no sentido da Póvoa de Lanhoso-Braga "tendo-se despistado, destruído o separador central e ido bater no muro do outro lado".

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.