A notícia de que o SL Benfica estaria a negociar uma eventual participação na Superliga Europeia, no conjunto de clubes periféricos, os cinco que participarão na competição, para além do grupo de 15 equipas fundadoras, foi uma das notícias que marcou o arranque desta terça-feira na imprensa desportiva nacional. No entanto, num comunicado oficial publicado no site das águias, o clube da Luz vem desmentir essa mesma informação, classificando-a como "inteiramente falsa".

"O Sport Lisboa e Benfica foi o primeiro clube português a expressar publicamente a sua objeção a uma Superliga Europeia, em novembro do ano passado, na sequência de uma entrevista do seu CEO, Domingos Soares de Oliveira", lê-se na nota.

Os encarnados relembraram ainda que sempre se manifestaram contrários "a qualquer competição fora do âmbito da UEFA, tendo, inclusive, contribuído ativamente para a reformulação do modelo competitivo da Liga dos Campeões pós-2024".

No domingo, AC Milan, Arsenal, Atlético de Madrid, Chelsea, FC Barcelona, Inter Milão, Juventus, Liverpool, Manchester City, Manchester United, Real Madrid e Tottenham anunciaram a criação da Superliga europeia, à revelia de UEFA, federações nacionais e vários outros clubes.

A competição vai ser disputada por 20 clubes, 15 dos quais fundadores – apesar de só terem sido revelados 12 – e outros cinco, qualificados anualmente.

A UEFA anunciou que vai excluir todos os clubes que integrem a Superliga, assegurando contar com o apoio das federações de Inglaterra, Espanha e Itália, bem como das ligas de futebol destes três países.

Entretanto, o organismo que rege o futebol europeu anunciou o alargamento da Liga dos Campeões de 32 para 36 clubes, a partir de 2024/25, numa liga única, em que cada equipa joga contra 10 adversários, cinco jogos em casa e cinco jogos fora.

Os oito melhores classificados vão ser apurados diretamente para os oitavos de final, enquanto os classificados entre o 9.º e o 24.º lugar vão disputar um ‘play-off’ para apurar outras oito equipas.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.