A apresentação do projeto foi levado hoje a cabo pelo administrador do Benfica, Domingos Soares de Oliveira, pelo responsável da KickUP Sports Innovation, João Gonçalo Cunha, e pelo vereador do desporto da Câmara Municipal de Lisboa, Jorge Máximo.

“Queremos agregar o cluster do desporto” e “atrair o maior talento nacional e internacional”, disse João Gonçalo Cunha, um dos responsáveis da KickUP Sports, em conferência de imprensa esta manhã.

As candidaturas estão abertas, vão fechar a 12 de março, depois temos a seleção até 26 de março e nessa data anunciamos quais são as 20 melhores startups, começou por explicar João Gonçalo Cunha.

Feito o processo inicial de 20 empresas, as mesmas irão fazer trabalho de campo no Estádio da Luz, durante quatro dias e em colaboração com a Universidade Nova, e só aí serão escolhidas as dez melhores ideias.

Essas empresas irão trabalhar, também no Estádio da Luz, recebendo um investimento inicial de 10.000 euros, num trabalho que se iniciará a 24 de abril, durante 12 semanas e até ao dia final de demonstração, a 11 de julho, no Estádio da Luz.

“O maior projeto do Benfica desde que construímos o Museu Cosme Damião”

O Benfica será o principal parceiro deste programa. Não só cederá o seu estádio, como também outros complexos desportivos (Caixa Futebol Campus e pavilhões) onde os vários projetos terão a oportunidade de se desenvolver. Os encarnados terão ainda quota parte na contribuição para o financiamento inicial de 10 mil euros dado às startups selecionadas.

“O SL Benfica já deu provas, ao longo do tempo, daquilo que é a capacidade dos seus profissionais. O projeto de transformação digital é talvez o maior projeto do SL Benfica desde que construímos o Museu Cosme Damião. Podemos dizer que é o quinto maior projeto dos últimos 15 anos, depois do Estádio, o Museu, o Caixa Futebol Campus e a BTV (canal do Benfica). Isto revela muito do nosso compromisso”, disse Domingo Soares de Oliveira, CEO do Sport Lisboa e Benfica, na conferência de apresentação do programa.

Segundo a informação disponível no site do clube da Luz, o programa internacional pretende investir nas áreas Performance Desportiva & Saúde, Ativação de Fãs & Entretenimento e Edifícios Inteligentes & Operações.

O CEO dos encarnados vai mais longe, afirmando que o Benfica “em muitas áreas, incluindo na do desporto, [é] a locomotiva do país e acreditamos que na inovação também somos essa locomotiva”, sublinhou.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.