Após o prolongamento do estado de alerta, declarado no país por mais 30 dias, e o respetivo confinamento, o conselho de administração da Federação Venezuelana de Futebol decidiu “suspender definitivamente” a temporada 2020 das primeira e segunda divisões, dada a impossibilidade de respeitar “o calendário”.

O organismo acrescenta que “os resultados das partidas disputadas são cancelados e invalidados, assim como a classificação”.

As últimas partidas foram disputadas em 09 de março, antes de ser decretado o confinamento obrigatório no país e consequente proibição de realização de qualquer atividade desportiva.

Ao fim de seis jornadas, o Zamora liderava com 16 pontos, mais dois do que o Caracas, atual campeão em título.

Após a declaração de pandemia, em 11 de março, as competições desportivas de quase todas as modalidades foram disputadas sem público, adiadas — Jogos Olímpicos Tóquio2020, Euro2020 e Copa América -, suspensas, nos casos dos campeonatos nacionais e provas internacionais, ou mesmo canceladas.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 302 mil mortos e infetou quase 4,4 milhões de pessoas em 196 países e territórios. Mais de 1,5 milhões de doentes foram considerados curados.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.