A polícia de Dorst confirmou a identidade do jogador através de um comunicado publicado nas redes sociais.

"O corpo que hoje, dia 7 de fevereiro de 2019, chegou a Portland Port foi formalmente identificado pelo médico legista de Dorset como sendo o do futebolista profissional Emiliano sala. As famílias do Sr. Sala e do piloto David Ibbotson já foram notificadas. Os nossos pensamentos permanecem com as famílias neste momento difícil", pode ler-se.

O médico legista irá continuar a investigar as circunstâncias da sua morte, com a ajuda da Polícia de Dorset.

O avião que transportava o jogador argentino de 28 anos desapareceu dos radares em 21 de janeiro, pelas 20:00, quando o futebolista e o piloto David Ibbotson, de 59 anos, seguiam viagem de Nantes para Cardiff, onde o atleta era esperado no dia seguinte para treinar no seu novo clube.

No domingo, os destroços da aeronave foram localizados por uma equipa de busca privada comandada pela família Sala e, no dia seguinte, um corpo foi localizado na aeronave.

O avião foi encontrado no Canal da Mancha a cerca de 20 quilómetros a norte de Guernsey, perto da zona da sua última transmissão.

Sala, que havia assinado por três anos e meio, foi a maior transferência já feita pelo clube galês, que atualmente luta para se manter na ‘Premier League’, a divisão maior em Inglaterra.

O argentino iniciou a carreira nos portugueses do FC Crato e representou também o Bordéus, o Orleáns, o Chamois Niortais e o Caen. O atleta tinha sido treinado por Sérgio Conceição, atual técnico do FC Porto, no Nantes, no qual foi companheiro de Sérgio Oliveira, na altura emprestado pelos ‘dragões’.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.