Aos comandos de uma Ducati privada, da equipa Gresini e com um patrocinador português na lateral da mota, Bastianini conquistou a sétima vitória da carreira, primeira na categoria rainha, ao cumprir as 25 voltas em 42.13,198 minutos, deixando na segunda posição o sul-africano Brad Binder (KTM), a 0,346 segundos, e o espanhol Pol Espargaró (Honda) na terceira, a 1,351 segundos.

O português Miguel Oliveira (KTM) abandonou a 12 voltas do final devido a uma queda no final da reta da meta quando lutava pela 10.ª posição.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.