No primeiro jogo na prova, devido à participação na fase final da Liga dos Campeões, os anfitriões adiantaram-se por Diego Costa, aos nove minutos, antes de o avançado internacional luso conquistar uma grande penalidade, que Saul Ñíguez desperdiçou, à passagem do quarto de hora.

No segundo tempo, Félix assistiu Angel Correa para o segundo tento dos madrilenos, aos 48 minutos, e aumentou ele próprio a contagem, aos 65, na sequência de uma brilhante iniciativa individual, sendo, pouco depois, substituído por Marcos Llorente, que dilatou a vantagem aos 72, após passe do também recém-entrado Luís Suárez.

O mais recente reforço dos ‘colchoneros’, proveniente do FC Barcelona, não poderia almejar melhor estreia, conseguindo marcar por duas vezes, aos 85 e 90+4 minutos, sendo que, perto do final, aos 87, Jorge Molina fez o tento do Granada, que contou com Rui Silva e Domingos Duarte entre os titulares.

O Athletic Bilbau, derrotado na ronda anterior, precisamente pelo Granada, conseguiu o primeiro triunfo na prova, por 2-1, no dérbi basco diante do Eibar, graças a um ‘bis’ de Unai López, aos 40 e 87 minutos.

Pelo meio, aos 48 minutos, Kike ainda repôs a igualdade para a formação da casa, que contou com os portugueses Paulo Oliveira e Kévin Rodrigues no ‘onze’.

Também o Levante, com Rúben Vezo no centro da defesa, venceu pela primeira vez no campeonato, com uma reviravolta no terreno do Osasuna (3-1). Roberto Torres deu vantagem ao conjunto de Pamplona, aos 38 minutos, só que Gonzalo Melero, aos 41, Marti Roger, aos 77, e Jose Morales, aos 81, marcaram para os valencianos.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.