"Houve vários clubes interessados em mim, mas, a partir do momento em que o Mónaco falou comigo, decidi logo que queria vir para aqui. O Mónaco é um grande clube, com grandes jogadores e que tem uma grande história em França", afirmou Florentino, durante a apresentação como jogador dos monegascos.

Florentino, que foi cedido pelo Benfica até final da temporada, sem opção de compra, considerou que o Mónaco "é um bom clube" para o "ajudar a crescer" como jogador.

"Quero ajudar a equipa a atingir os seus objetivos. Estou muito feliz por estar aqui e quero desfrutar ao máximo, crescer como jogador. Acredito que posso aprender muito aqui", disse, salientando que o sucesso de compatriotas como João Moutinho ou Bernardo Silva no emblema do Principado "é um incentivo".

O internacional sub-21 português, que tem como ídolo o espanhol Sergio Busquets, do FC Barcelona, referiu que se sente "mais confortável a jogar na posição ‘6' [médio defensivo]", embora esteja preparado para "jogar noutras posições, caso o treinador assim o entenda".

De resto, ‘Tino’ elogiou o técnico Niko Kovac, "um treinador com boas ideias, que gosta de futebol apoiado e pressionante": "É esse o tipo de futebol de que eu também gosto."

O Benfica confirmou a cedência de Florentino ao Mónaco em 25 de setembro, sendo que o médio luso se estreou pelos monegascos poucos dias depois, na derrota diante do Brest (1-0), a contar para a sexta jornada da Ligue 1.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.