“Estamos prontos e vamos lutar pela vitória. Não quero dizer antes do jogo se acontece isto ou aquilo. Temos um bom espírito na equipa. O Sporting é um grande clube e é preciso ganhar”, disse Marcel Keizer, em conferência de imprensa.

Keizer falou depois do adversário de domingo e apontou as principais qualidades da formação orientada por Abel Ferreira, que se vencer no Estádio José Alvalade fica com uma vantagem de 10 pontos sobre os ‘leões’.

“São uma equipa organizada, sabem defender bem e têm um contra-ataque muito bom, com bons jogadores. Espero um bom jogo, a intensidade vai ser grande, mas estamos prontos”, declarou.

Para o desafio, as mudanças vão ser algumas, segundo o técnico, que preferiu nada adiantar quanto às suas escolhas para o ‘onze’ titular, afirmando apenas que “precisa de ver como estão os jogadores fisicamente”.

Sobre a saída de Fredy Montero, depois de ter rescindindo na sexta-feira, o treinador ‘leonino’ apenas disse que o avançado colombiano “deu muito ao Sporting e foi um grande profissional” e, relativamente à eventual saída de Nani, não quis abordar, confirmando só que esteve com a equipa na manhã de hoje.

Abel Ferreira não lhe quer ficar atrás

"Vamos procurar impor o nosso jogo e fazer cumprir o nosso plano. Vamos alterar as rotas de ataque, sobretudo no ataque posicional. Somos uma equipa versátil, de máximo esforço e de alto rendimento", garantiu o treinador dos minhotos, na antevisão da partida.

Abel Ferreira frisou que os jogos se preparam "em quatro dimensões: técnica, tática, física e mental”.

“Estamos preparados para mais um desafio, contra um adversário que tem um potencial e jogadores fantásticos. Foi a primeira equipa a ganhar um título este ano", lembrou, numa referência à conquista ‘leonina' na Taça da Liga, em janeiro.

Questionado sobre se seria expectável uma época irregular do Sporting no campeonato, no qual ocupa a quarta posição, depois da turbulência por que o clube passou no final da temporada passada e da substituição de treinador no início desta, o técnico não quis responder, "por respeito" ao Sporting, clube que representou como jogador e treinador.

"Pelo meu passado, por uma questão de respeito, não quero falar sobre isso. Como imaginam, conheço muito bem a casa do nosso adversário, que, tal como nós, tem como objetivo ganhar todos os jogos", disse apenas.

O Sporting vem de uma derrota caseira (1-0), na quinta-feira, com o Villarreal, na primeira mão dos 16 avos de final da Liga Europa, mas, "por experiência própria", Abel Ferreira sabe que, "depois de um resultado menos positivo, todas as equipas querem reagir".

"Nós, quando as coisas correm menos bem, levantamo-nos e continuamos. Quando corre bem, descemos à terra e tentamos ser mais e melhores porque ganhar com consistência exige estar sempre alerta e em tensão", explicou.

O treinador notou que "quem quer ser melhor tem que ser regular e o Sporting de Braga tem sido uma equipa muito regular", tanto diante das equipas ‘grandes' como das de "menores recursos".

Sporting de Braga, terceiro classificado, com 49 pontos, e Sporting, quarto, com 42, defrontam-se no domingo, às 20:00, no Estádio José de Alvalade, em Lisboa.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.