Um grande golo de Mário Rui, aos 88 minutos, com um remate potente ao ângulo superior direito da baliza, após uma tabela com um companheiro de equipa, valeu os três pontos aos napolitanos.

O Nápoles inaugurou o marcador aos 49 minutos, pelo médio brasileiro Allan, mas o Spal restabeleceu a igualdade já perto do fim, aos 84, por Andrea Petagna, de penálti.

Por seu lado, a Juventus já consagrada campeã, não conseguiu evitar a derrota perto do final da partida, com a formação romana a marcar aos 79 minutos, por Alessandro Florenzi, e aos 90+2 por Edin Dzeko.

Cristiano Ronaldo, que perdeu pela primeira vez na ‘Serie A’, chegou a introduzir a bola na baliza romana, com o resultado em 0-0, isolado a passe do argentino Paulo Dybala, mas partiu em posição irregular e o golo não foi validado.

O outro internacional português da ‘vecchia signora’, João Cancelo, não entrou no ‘onze’ inicial, mas foi lançado em campo aos 85 minutos, a render Mattia Di Sciglio.

Nos outros jogos de hoje da 36.ª jornada, o Torino recebeu e venceu o Sassuolo por 3-2 e os ‘aflitos’ Udinese e Empoli foram vencer em casa do Frosinone e da Sampdoria, respetivamente, por 3-1 e 2-1.

Em face dos resultados de hoje, a luta pelos lugares de acesso à Liga dos Campeões está ao rubro a duas jornadas do fim, com seis equipas, do terceiro ao oitavo lugar, com hipóteses de atingir esse objetivo, casos de Atalanta, Inter, AC Milan, AS Roma, Torino e Lazio.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.