"O Real Madrid C. F. comunica que Zinedine Zidane decidiu dar por finalizada a sua atual etapa como treinador do nosso clube", pode ler-se no comunicado emitido esta manhã pelo clube madrileno.

Num texto em que os Merengues afirmam "respeitar" a decisão do técnico que levou os Blancos à conquista de três Ligas dos Campeões consecutivas, entre 2015 e 2018, o clube agradece o "profissionalismo, dedicação e paixão em todos estes anos e pelo que a sua figura representa para o Real Madrid".

"Zidane é um dos grandes mitos do Real Madrid e a sua lenda vai muito além do que tem sido como treinador e jogador do nosso clube. Ele sabe que está no coração dos madridistas e que o Real Madrid será sempre a sua casa", lê-se.

As notícias que davam conta de uma eventual saída do técnico francês antes do final do contrato, que só terminava em junho de 2022, de Madrid adensaram-se nos últimos dias. O antigo médio do Real Madrid e internacional pela seleção francesa deixa assim o único clube que orientou, pela segunda vez, após uma época sem títulos.

Zinedine Zidane assumiu o comando técnico dos Merengues pela primeira vez em 2015/16 para substituir Rafael Benítez, tendo acabado por vencer, nessa mesma época, a Liga dos Campeões. Em 2016/17 repetiu o feito europeu e acrescentou-lhe a Supertaça Europeia, o Mundial de Clubes e a La Liga. Em 2017/18 'limitou-se' a títulos além fronteiras, tendo conseguidos assim a terceira 'orelhuda' consecutiva.

No verão de 2018, o mesmo em que Cristiano Ronaldo deixou os Merengues depois de se transferir para a Juventus, o francês deixou o Santiago Bernabéu. Voltaria no final da época seguinte, depois de uma temporada em que tanto Julen Lopetegui como Santiago Solari falharam em encontrar o caminho para os melhores resultados. Depois de uma reta final de época que serviu de uma espécie de pré-temporada, Zidane guiou o Real Madrid até à conquista do campeonato em 2019/20, o último título que ergueu como técnico dos madrilenos depois de esta temporada ter sido afastado na Liga dos Campeões nas meias-finais pelo Chelsea e de ter perdido o campeonato por dois pontos para o Atlético de Madrid.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.