“O objetivo era conseguir a melhor pontuação. Vim só mesmo focada na pontuação, uma vez que estas duas semanas foram muito intensas para mim. O corpo já está a pedir algum descanso. Tinha de estar aqui e conseguir pontos para a equipa, porque era a atleta que mais chances tinha de ganhar”, adiantou Patrícia Mamona no final da prova.

A atleta do Sporting salientou que a vitória foi uma contribuição a pontuação coletiva. “O objetivo foi cumprido, era o mais importante. Acho que estamos a caminho de ser campeões de Portugal e estou bastante contente”.

Patrícia Mamona, que já garantiu os mínimos olímpicos, afirmou que agora é tempo de “dar descanso” ao corpo, “para depois voltar de novo ao de cima”.

Aliás, foi por isso que apenas realizou dois dos seis ensaios possíveis. “O primeiro salto já me tinha garantido de certa forma a vitória e isso deixou-me um bocado descansada”.

Depois da pausa, a atleta frisou que estará concentrada na Taça das Nações, onde espera participar, e no Mundiais de Doha, que se realizam entre 28 de setembro e 06 de outubro. “Pessoalmente é o principal foco e objetivo deste ano”, indicou.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.