A DFB nomeou o antigo árbitro Lutz Michael Fröhlich como novo responsável pelo VAR e promete “transparência nos procedimentos”.

Nos últimos dias, a imprensa alemã levantou suspeitas sobre a imparcialidade de Krug, com o diário Bild a assegurar que este tinha intervindo duas vezes para favorecer o Schalke 04, no jogo de 28 de outubro com o Wolfsburgo (1-1), nomeadamente na marcação de uma grande penalidade favorável à equipa de Gelsenkirchen.

Também a revista especializada Kicker fez capa com o VAR, mostrando-lhe cartão vermelho, depois de semanas de numerosas críticas ao seu funcionamento.

“Penso que temos a pessoa errada em Colónia (onde está instalado o centro de controlo do sistema de vídeoárbitro)”, defendeu o diretor desportivo do Augsburgo, Stefan Reuter.

Apesar de ter vindo a público negar as acusações de favorecimento ao Schalke 04, Krug acabou por ser despedido.

“Para mim, é importante que o árbitro assuma as suas responsabilidades no campo e que os jogadores, assim como os espetadores, tenham confiança nele”, salientou o seu substituto, Lutz Michael Fröhlich.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.