Em jogo da 34.ª jornada, Ronaldo bisou aos 83 e 89 minutos, o primeiro na marcação de uma grande penalidade, e deu o triunfo à Juventus, no dia em que o Inter Milão foi confirmado como o novo campeão da Serie A, terminando a hegemonia de quase uma década da ‘vecchia signora’.

O capitão da seleção portuguesa passou a ter 27 golos marcados na Serie A e reforçou a liderança da lista de melhores marcadores, com o belga Lukaku (Inter Milão), seu principal perseguidor, a somar 21.

A Udinese, que segue a meio da tabela (11.º classificado), ainda sonhou com a vitória, depois do golo do argentino Nahuel Molina, aos 10 minutos, tendo mantido essa vantagem até perto do final do encontro.

Com este triunfo, a Juventus igualou a Atalanta e o AC Milan no segundo posto, com 69 pontos, e aproveitou da melhor forma o empate caseiro do Nápoles (1-1) com o Cagliari, que deixou a equipa do português Mário Rui fora dos lugares de ‘Champions’.

Ainda hoje, a Roma, do técnico português Paulo Fonseca, visita o campo da Sampdoria.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.