Uchendu inaugurou o marcador para as bracarenses logo aos 02 minutos, mas os golos de Diana Silva (75) e Nevena Damjanovic (79) permitiram ao Sporting entrar com o ‘pé direito’ no campeonato de 2019/20 e somar os primeiros três pontos.

As bracarenses chegaram à vantagem quando ainda nenhuma equipa o havia justificado, aproveitando a velocidade e o oportunismo de Uchendu para inaugurar o marcador logo aos 02 minutos.

As minhotas estavam mais confortáveis na partida e dominavam as operações, especialmente após o intervalo, com a avançada nigeriana a colocar à prova a guarda-redes Patrícia Morais num ‘tiro’ na pequena área (47) e a acertar na trave um remate de meia distância (58).

Mas o Sporting, que até ao quarto de hora final só teve uma oportunidade flagrante, com Carolina Mendes a atirar por cima (06), igualou a partida aos 75 minutos, por Diana Silva, solicitada na profundidade pela norte-americana Carlyn Baldwin.

A equipa ‘leonina’ galvanizou-se com o empate e, pouco depois, a defesa central Nevena Damjanovic operou a reviravolta ao cobrar de forma irrepreensível um livre direto em zona frontal, decorria o minuto 79.

O Sporting de Braga não conseguiu recuperar do golpe anímico e o Sporting podia ter ampliado por Hannah Wilkinson (88), enquanto as bracarenses só nos descontos (90+1) voltaram a criar perigo num remate por cima de Francisca Cardoso.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.