A 44ª Volta ao Algarve em bicicleta arranca hoje (12h00) com partida em Albufeira e chegada a Lagos. Ao longo de cinco etapas e um total de 773,5 quilómetros, inclui duas etapas de montanha (Foia e Malhão), um contrarrelógio (Lagoa-Lagoa) e um dia destinado a roladores e sprinters, com a meta instalada em Tavira, sendo esta a etapa mais longa da prova, com 199,2 quilómetros.

No pelotão composto por 25 equipas, 13 delas do World Tour, entre os 173 ciclistas, pedalam inúmeras figuras da elite internacional do ciclismo, contabilizando-se 19 corredores do top 100 mundial e campeões nacionais de 15 países. Destaque para os belgas Victor Campenaerts, campeão europeu de contrarrelógio e Philippe Gilbert (10.º do ranking mundial) e para o polaco Michal Kwiatkowski (8.º). Ainda no lote de inscritos de realçar Richie Porte (BMC), Tony Martin (Katusha), Geraint Thomas e Michal Kwiatkwoski (Sky), todos eles vencedores da Volta ao Algarve, prova que em 2017 foi ganha pelo esloveno Primoz Roglic (Lotto NL-Jumbo).

Com as principais equipas portuguesas presentes (Rádio Popular, Sporting-Tavira, WS2-Porto e Liberty Seguros-Carglass) numa das provas que abre o calendário internacional de ciclismo, a “Algarvia” é igualmente uma oportunidade para os ciclistas nacionais emigrantes pedalarem “em casa”. É o caso de José Gonçalves e Tiago Machado (Team Katusha Alpecin), Nuno Bico e Nelson Oliveira (Movistar Team), Rúben Guerreiro (Trek-Segafredo), Rafael Reis e Joaquim Silva (Caja Rural-Seguros RGA).

 A 44ª edição da Volta ao Algarve é transmitida para 120 países e irá distribuir 70 mil euros de prémios. A operação é da responsabilidade do Eurosport. Em Portugal, a prova poderá ser acompanhada na Eurosport 2 (com comentários de Luís Piçarra, Paulo Martins e Olivier Bonamici) e na TVI24.

Froome na Volta à Andaluzia onde Valverde é rei

Igualmente na estrada de 14 a 18 de fevereiro, do outro lado da fronteira portuguesa (algarvia) decorre a 64ª edição da Volta à Andaluzia (Ruta del Sol).

Ao longo de 676 quilómetros e cinco etapas o pelotão enfrentará diversos cenários e morfologias de terreno, das montanhas (Granada e Alto de Allanadas, La Guardia de Jaén) à praia (Cádiz, Barbate).

Num elenco de luxo destacam-se os nomes de Mikel Landa, Chris Froome (de regresso à competição embora esteja a ser investigado por doping), Steven Kruijswijk e Jakob Fuglsang,

Nas dez últimas edições, ciclistas espanhóis venceram por sete ocasiões, com Alejandro Valverde, veterano da Movistar (37 anos) a conquistou a prova por cinco vezes (2012, 2013, 2014, 2016 e 2017), sendo o recordista da prova e que por estes dias estará na Volta a Omãn.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.