Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Altri refere que num trimestre “em que se continuou a verificar a descida do preço de venda da pasta BHKP e no qual se realizou a paragem anual de manutenção da sua unidade da Figueira da Foz, as receitas totais, incluindo o contributo de 100% da atividade da Bioelétrica, atingiram 207,4 milhões de euros”, uma subida de 19,6%.

O resultado antes de impostos, juros, amortizações e depreciações (EBITDA) aumentou 17,8% para 74,5 milhões de euros.

O grupo produziu cerca de 262,3 mil toneladas de pasta, e apesar da referida paragem da Celbi durante 15 dias “o volume de pastas produzidas aumentou cerca de 2%” em termos homólogos”.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.