Este relato foi publicado pela primeira vez em 1919, e é agora reeditado pela Plátano Editora, com um prefácio do politólogo Jaime Nogueira Pinto, no qual afirma que este é "um testemunho escrito sem grandes preocupações estilísticas, uma espécie de bloco de notas ou de diário de bordo de um jovem português que foi à guerra na 'Europa'".

A obra "Memórias dum Expedicionário a França" é apresentada na terça-feira, às 18:00, no auditório da RTP, em Lisboa, com a participação de Nogueira Pinto, dos netos do militar, Maria de Lourdes Sá Cunha e Paulo Dentinho, diretor de Informação da RTP, do coronel Pedro Marques de Sousa, e do realizador Leonel Vieira, que prepara uma série televisiva a partir deste testemunho.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.