"O contrato com Karpin vai vigorar até 31 de dezembro de 2021, com possibilidade de ser prorrogado", anunciou em comunicado a federação da Rússia (UFR), especificando que, durante os próximos seis meses, o técnico vai acumular funções de selecionar com o cargo no Rostov.

Por sua vez, o russo Karpin agradeceu à UFR a confiança, destacando a "enorme honra" por assumir o comando da seleção.

"Para mim, esta é uma nova etapa, muito importante e muito interessante, na minha carreira como treinador", disse.

A missão de Karpin, de 52 anos, será qualificar seu país para Mundial de 2022, no Catar, cuja fase de qualificação será retomada em setembro e onde a Rússia se bate com Croácia, Eslováquia, Eslovénia, Chipre e Malta.

"Faremos todos os esforços para atingir este objetivo", prometeu o novo selecionador.

DN // AJO

Lusa/fim

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.