A empreitada, no valor de 15.515 euros, vai incidir na substituição do pavimento de madeira das salas, limpeza, higienização e recolocação das coleções nas estantes, obrigando os trabalhos ao encerramento do edifício durante cerca de um mês e meio.

De acordo com a autarquia, “o encerramento da biblioteca é imprescindível para a realização das obras, pois exige a completa libertação do espaço do piso superior, pelo que as coleções ficarão indisponíveis enquanto decorrem os trabalhos”.

Segundo dados divulgados pela Câmara de Faro, a Biblioteca António Ramos Rosa, em funcionamento há 17 anos, tem atualmente 21.433 leitores inscritos e cerca de 335 visitantes diários, sendo considerado “um equipamento cultural e pedagógico central para a região”.

“Porque acreditamos que é fundamental continuar a prestar serviços de qualidade, garantindo a satisfação de quem nos visita, as obras a executar visam proporcionar o bem-estar dos nossos leitores”, destaca a autarquia.

Para minimizar os efeitos causados pelo encerramento temporário no principal espaço bibliotecário de Faro, vão ser reforçados os exemplares para empréstimo no polo da Conceição, instalado nos arredores da cidade.

Os ciclos de palestras programados para o mês de novembro para a biblioteca foram transferidos para o anfiteatro da Escola Superior de Educação e Comunicação da Universidade do Algarve e para o Instituto Português do Desporto e Juventude em Faro, tendo os restantes eventos sido cancelados e adiados para 2018.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.