Um documental sobre a carreira do intérprete é um dos três filmes a exibir no ciclo "Carlos do Carmo - Um Homem no Cinema". Há ainda um filme em que participou e outro em que uma canção sua faz parte da banda sonora.

Na quinta-feira, às 19:00, é exibido, na sala Manoel de Oliveira, o maior auditório do Cinema S. Jorge, a longa-metragem "Sem Sombra de Pecado" (1983), de José Fonseca e Costa (1933-2015), que conta com Carlos do Carmo a interpretar "Sem sombra de um queixume", fado de Frederico de Brito, cujos versos inspiraram o nome do filme ("Se não sabes o que é fado, sem ter sombra de pecado...").

No dia seguinte às 18:30, na sala 3, será projetado o documentário "Carlos do Carmo: Um Homem no Mundo" (2014), de Ivan Dias, e, às 20:00, na sala Manoel de Oliveira, será mostrado "Fados" (2007), de Carlos Saura, filme no qual participou e que fez parte da candidatura do Fado à UNESCO para classificação como a Património Cultural Imaterial da Humanidade, em 2011.

Além de Carlos do Carmo, que ganhou um Prémio Goya por este filme, "Fados" conta com as participações de Mariza, Chico Burque, Lila Downs, Caetano Veloso, Camané e Celeste Rodrigues, entre outros.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.