Pode-se dizer que é um ator de moda. Depois de “Floribella”, “Rebelde Way” e “Lua Vermelha”, Tomás Alves fez a transição para as novelas e, mais recentemente, até pode ser visto em séries internacionais como “Auga Seca” na HBO Max ou ”Operação Maré Negra” na Prime Video.

O seu novo projeto “Salgueiro Maia - O Implicado” foi gravado há dois anos, mas chegou no dia 14 de abril às salas de cinema portuguesas, na antecâmara da celebração do 48.º aniversário da revolução do 25 de abril, que libertou Portugal de uma ditadura de quase 50 anos. O argumento do filme tem por base o livro “Salgueiro Maia - O Homem da Liberdade” de António de Sousa Duarte e aborda outras fases da vida do Capitão de Abril antes e depois dos acontecimentos que o tornaram famoso.

Neste episódio do podcast, a equipa do Acho Que Vais Gostar Disto, à conversa com o ator, aproveitou para conhecer um pouco melhor o que esteve por detrás da produção do filme, mas também revisitar um pouco a sua carreira e perceber o porquê de Tomás ser ator para gastar dinheiro na música.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.