Ouça o episódio aqui:

A série começa um flashforward, no qual percebemos que alguém vai eventualmente morrer, mas não sabemos quem. Depois, voltamos sete dias atrás no tempo e observamos oito personagens num barco a chegar ao Hotel "The White Lotus", o mais luxuoso do Hawai.

Entre elas, está um casal em lua de mel, Shane e Rachel, a família Mossbacher com Nicole, Mark, Olivia e a sua amiga Paula e, ainda o seu irmão Quinn, e, por último, Tanya, uma mulher de meia-idade que está de luto pela morte da sua mãe e que transporta consigo as suas cinzas.

À sua espera está Armond, o gerente, e o restante staff do hotel, que tem a responsabilidade de cumprir todos os desejos dos seus clientes e garantir que têm a melhor semana possível. É neste contexto banal que, através das relações entre as personagens, a série vai conseguir fazer uma crítica não só ao privilégio, mas também a temas que a ele estão associados como o poder em relações, o colonialismo, a tecnologia, o #MeToo, o conflito entre diferentes gerações e muitos outros.

Foi isso que fizeram o João Dinis, a Mariana Santos e o Miguel Magalhães juntarem-se em mais um episódio e discutir a importância da série que conta com um elenco onde estão nomes como Connie Britton, Alexandra Daddario, Steve Zahn e Jennifer Coolidge.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.