O porta-voz dos bombeiros Fabio German afirmou que a descoberta dos cachorros mostra que ainda há hipóteses de encontrar vivas algumas das 23 pessoas soterradas pela neve. As equipas de emergência têm esperanças que sobreviventes tenham encontrado bolsas de ar sob as toneladas de neve e detritos.

Até agora foram resgatadas nove pessoas, incluindo quatro crianças, do hotel Rigopiano, que foi atingido por mais de 60 mil toneladas de neve na passada quarta-feira, dia 18. Seis outras pessoas morreram.

Já passou entretanto mais de um dia desde que alguém foi retirado com vida dos escombros, enquanto as condições no local estão a deteriorar-se, com a neve a transformar-se em gelo.

Após a avalanche, os socorristas cavaram mais de 24 horas perante um silêncio de morte antes de se aperceberem dos primeiros sobreviventes.

A região sofreu no início da semana uma queda de neve histórica, que deixou centenas de moradores de aldeias isolados, enquanto uma série de sismos fortes na quarta-feira reavivou o trauma dos terramotos mais poderosos de agosto e outubro passados e levou à tragédia no hotel.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.