"Como disse, amanhã [sábado] muitos dos doentes que aqui estão, alemães a grande maioria, parte para suas casas, mas encontrei naqueles turistas alemães com quem falei há pouco a mesma vontade, o mesmo reconhecimento, a mesma gratidão e a mesma vontade de não esquecerem a Madeira e de regressarem", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa aos jornalistas, à saída daquela unidade hospitalar do Funchal.

O chefe de Estado disse ter estado com os dois portugueses que também se encontram internados ali, o motorista - "o senhor Zé" - e a guia - "a Carlota", tendo assinalado que ela "é uma mulher de armas", e que ele "é muito resistente".

Marcelo quis também manifestar a "gratidão de todos os portugueses" pelo trabalho desenvolvido por quem prestou socorro às vítimas.

Questionado sobre as autópsias das vítimas mortais, o chefe de Estado informou que o "embaixador da Alemanha, que está a acompanhar isto aqui, cá fica ainda até amanhã [sábado], pelo menos", e "é o primeiro a testemunhar a preocupação, a competência e a eficiência com que esta matéria está a ser tratada".

Miguel Reis, adjunto da direção clínica do hospital do Funchal, disse esta manhã, em conferência de imprensa, que o estado clínico destes 16 feridos é “estável” e apresenta uma “evolução favorável”.

As equipas médicas do hospital do Funchal e clínicos alemães que estão na Madeira a acompanhar a situação das vítimas do acidente com o autocarro ocorrido na quarta-feira, estiveram durante a noite e madrugada a “avaliar a situação clínica individual de cada paciente”.

“Oito vítimas estão internadas na Ortopedia, duas na Unidade de Cuidados Intensivos, quatro na Unidade de Cuidados Intermédios Cirúrgicos e duas no serviço Cardiotorácico”, adiantou.

Das 28 vítimas que dera entrada no hospital na sequência do acidente, 11 já tiveram alta, uma faleceu e 16 continuam internadas. Dos 16 feridos que estão internados, 14 são de nacionalidade alemã e dois portugueses.

O acidente de quarta-feira, no Caniço, concelho de Santa Cruz, provocou 29 mortos.

[Notícia atualizada às 15h53]

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.