"É uma comunidade muito importante, 13%, 14% da população. É uma comunidade decisiva para Andorra", elogiou Marcelo Rebelo de Sousa, enquanto cumprimentava um grupo de portugueses. "Vocês são excecionais aqui", acrescentou.

Acompanhado pelo chefe do Governo andorrano, Antoni Martí Petit, o Presidente da República andou cerca de 45 minutos a pé pelo centro de Andorra-a-Velha, depois de ser recebido na Casa de La Vall, antiga sede do parlamento.

Sempre à conversa, os dois responsáveis políticos caminharam até à sede do Governo de Andorra, com paragens constantes para Marcelo Rebelo de Sousa cumprimentar e tirar fotografias com portugueses que esperavam a sua passagem e que o acolheram calorosamente.

Durante este percurso, o Presidente da República encontrou portugueses naturais de Fafe, de Cabeceiras de Basto, de Torres Vedras, de Valpaços e vários de Ponte de Lima - onde há precisamente um ano esteve com o chefe do Governo de Andorra, nas Feiras Novas.

"Não se pode negar que é um Presidente que gosta de estar em contacto com o povo", comentou Martí.

Marcelo Rebelo de Sousa já tinha feito um curto passeio a pé com membros da sua comitiva antes de iniciar esta visita oficial, deslocando-se até um centro comercial, onde cumprimentou funcionárias portuguesas, tirou as primeiras 'selfies' em Andorra e comprou um par de sapatos.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.