Em comunicado, a Capitania do Porto de Santa Cruz das Flores e a Capitania do Porto da Horta (Faial) alertam para "a forte possibilidade de agravamento do estado do tempo e do mar a partir de terça-feira", pois "a agitação marítima de noroeste, associada a vento fresco, poderá ter valores de altura significativa superiores a quatro metros na manhã de terça-feira" e "aumentar ao longo do dia, podendo atingir valores de altura significativa da ordem dos seis metros".

"A partir do final de terça-feira é esperado um desagravamento, mas pouco significativo, sendo possível que a agitação marítima mantenha valores superiores a quatro metros de altura significativa ao longo de toda a semana", acrescenta um comunicado assinado pelo capitão do porto das Flores e da Horta, Paulo Rafael da Silva.

A autoridade marítima recomenda à comunidade marítima a adoção de medidas de precaução, nomeadamente o reforço da amarração ou varando em lugar seguro as embarcações.

"A população deve evitar as zonas costeiras, em especial as expostas à agitação marítima e junto à orla marítima manter uma atitude vigilante, tendo em conta que nestas condições extremas, o mar pode facilmente alcançar zonas aparentemente seguras", alerta.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.