O francês Jean-Claude Lacote e a belga Hilde van Acker eram procurados pelo assassinato do empresário inglês Marcus Mitchell, que em 1996 fora abatido com dois tiros na cabeça.

Lacote, agora com 53 anos, e van Acker, 56, tinham sido detidos na Bélgica pouco tempo depois da morte de Mitchell, mas acabaram por ser libertados por falta de provas.

O casal fugiu então para a África do Sul.

Em 2011, a justiça belga condenou os dois, à revelia, a prisão perpétua.

As autoridades costa-marfinenses confirmaram que Lacote e van Acker tinham alterado as suas identidades.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.