“A easyJet confirma que o voo EZY1971 que partiu de Manchester para o Funchal regressou a Manchester devido a um problema técnico com o indicador da porta de bagagem dianteira. O avião aterrou normalmente e os passageiros desembarcaram no terminal enquanto os engenheiros investigam o sucedido”, refere a empresa.

Em resposta escrita enviada na tarde de hoje, a easyJet sublinha que a segurança de passageiros e tripulação “é uma prioridade número um” da companhia aérea, que opera a sua frota “num estrito cumprimento com todas as indicações de produção”.

Na nota, a easyJet pede ainda desculpas aos passageiros pelo inconveniente causado.

A Portway, empresa de handling de Portugal, confirmou hoje o incidente técnico no avião da Easyjet e que regressou ao aeroporto de onde tinha descolado.

"Confirmo, teve um problema técnico e regressou a Manchester mas não sabemos mais nada, nem sabemos a nova programação", disse à Lusa.

O aeroporto da Madeira, por seu lado, indicou apenas que o voo estava atrasado mas desconhecia o motivo.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.