Pedro Oliveira, do gabinete de comunicação da ANA, confirmou esta “aterragem não planeada de um avião da Monarch que tinha como destino a Madeira”.

Adiantou que o voo era de um Airbus A321, proveniente do aeroporto de Gatwick (Londres) e tinha a bordo 137 passageiros.

O responsável indicou que na origem da situação estão “problemas técnicos”, referindo que o comandante do avião solicitou a autorização para efetuar esta aterragem não planeada pelas 16:46.

Pedro Oliveira apontou que, “como é normal neste tipo de situações, foi acionado o plano de emergência e os meios de prevenção”, tendo a aterragem acontecido sem incidentes pelas 16:54.

Após o desembarque dos passageiros, que decorreu sem qualquer problema, o referido plano de emergência foi depois desativado.

Os passageiros aguardam no aeroporto do Porto Santo transporte para o Funchal.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.