O capitão do porto, Vasco Toledo Cristo, confirmou à agência Lusa o surgimento de “vários organismos gelatinosos”, de uma espécie ainda não confirmada e “cuja identificação já foi pedida ao Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF)”.

Os organismos deram à costa esta manhã na praia, levando a que “nas zonas vigiadas fossem içadas as bandeiras vermelhas e desaconselhados os banhos, quer no mar, quer na lagoa”, acrescentou o responsável.

A Capitania do Porto de Peniche solicitou ainda a intervenção das autoridades de saúde “para avaliar se são necessárias outras medidas”.

No local, os nadadores-salvadores solicitaram aos banhistas que saíssem da água e que tomassem banho de água doce, mas até às 13:00 de hoje não havia registo de qualquer banhista com sintomas associados à presença do organismo ainda não identificado.

O concelho das Caldas da Rainha localiza-se no distrito de Leiria.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.