Não há portugueses entre os 100 feridos e já foram identificadas quatro das 13 vitimas mortais. Uma é belga e outras três alemãs", disse José Luis Carneiro esta noite à agência Lusa.

O governante explicou que “entre os feridos, até agora, não foi identificado qualquer português", precisando que estava a falar dos 100 feridos que foram identificados até ao momento pelas autoridades espanholas.

"Em relação àqueles que pereceram foi identificada a nacionalidade de quatro, um belga e três de origem alemã, faltando identificar outros nove", acrescentou.

José Luis Carneiro disse ainda que a secretaria de Estado das Comunidades vai continuar a "acompanhar as informações que estão a ser prestadas pelos serviços policiais espanhóis", que vão continuar os trabalhos para identificar as restantes nove vítimas mortais do atentado das Ramblas.

[Notícia atualizada às 23h57]

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.