De acordo com a fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viana do Castelo, a corporação portuguesa tem no terreno seis operacionais e duas viaturas.

Segundo noticia o jornal Faro de Vigo, "no momento em que deflagrou o incêndio, os trabalhadores que se encontravam na fábrica afetada foram retirados, não havendo registo de feridos".

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.