“Os bombeiros concluíram esta semana integralmente o processo de vacinação em primeira dose, isso permitirá estarem prontos não só para a resposta pré-hospitalar, que nunca deixaram de assegurar, mas também para o aproximar da época de maior número de incêndios rurais”, disse Eduardo Cabrita.

O ministro avançou que a taxa de vacinação na Polícia de Segurança Pública e na Guarda Nacional Republicana é “superior a 50%”.

Eduardo Cabrita está hoje à tarde a ser ouvido na comissão parlamentar de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.