Esta intervenção juntou mais de 400 agentes que tentaram impedir a festa, organizada apesar do recolher obrigatório em vigor em França a partir das 23:00 , no âmbito da pandemia de covid-19.

“Houve extrema violência durante grande parte da noite”, já que os incidentes duraram “mais de sete horas”, disse o presidente do Departamento de Ile-et-Vilaine, Emmanuel Berthier, em comunicado.

“Neste contexto de extrema violência, um jovem de 22 anos perdeu uma das mãos”, explicou Berthier, acrescentando que cinco polícias ficaram feridos, dois dos quais foram levados para o hospital.

A festa foi convocada em homenagem a um jovem que morreu em 2019 ao cair ao rio, enquanto fugia da polícia por estar a participar numa festa ilegal na cidade de Nantes.

Além desta ocorrência em França, também na sexta-feira à noite, em Espanha, a polícia dispersou 4.700 pessoas de vários bares, ruas e praias em Barcelona, adiantaram hoje forças policiais espanholas.

Contudo, esta operação policial, que costuma ocorrer ao fim de semana, decorreu sem incidentes.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.