De acordo com a porta-voz da Comboios de Portugal (CP), Ana Portela, o acidente provocou “perturbação e atrasos, mas com tendência a regularizar”.

O atropelamento por um comboio de mercadorias, que não era da CP e circulava no sentido sul/norte, ocorreu cerca das 10:00, tendo a circulação sido restabelecida cerca das 12:00.

Na sua edição online, o Jornal de Notícias refere, sem citar fontes, que “a vítima, uma mulher ainda não identificada, estaria a falar ao telemóvel enquanto atravessava a linha, não tendo ouvido os sinais sonoros de alerta emitidos pela composição”.

(Notícia atualizada às 12h56)

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.