"Fora da campanha o único tema que me preocupa - e que deve preocupar todos - é o risco do furacão Lorenzo que se aproxima dos Açores e que nos deve concentrar a atenção", declarou António Costa, durante uma ação de rua do PS em Cacilhas, concelho de Almada.

O líder socialista referiu que, enquanto primeiro-ministro, já teve a oportunidade junto do presidente do Governo Regional dos Açores de "manifestar toda a disponibilidade da República e toda a solidariedade".

Perante os jornalistas, o secretário-geral do PS declarou que, "fora da campanha, o tema do furacão Lourenzo "é mesmo o único tema que deve motivar a preocupação" dos políticos.

"Neste momento, há um furacão que é muito ameaçador para os Açores e que já foi sinalizado com alerta vermelho. Portanto, é dever da República manifestar toda a solidariedade em relação aos Açores, como no passado já se manifestou relativamente à Madeira", disse.

De acordo com António Costa, "felizmente, até ao momento, o Governo Regional dos Açores não sentiu necessidade de pedir mais apoio" ao Governo da República, "além daquele que foi disponibilizado pela Proteção Civil".

"Hoje mesmo, Vasco Cordeiro está reunido com o Conselho Regional da Proteção Civil para avaliar outras eventuais necessidades", acrescentou.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.