O comunicado diário emitido pela Autoridade de Saúde Regional refere que, "decorrentes das 1.211 análises realizadas nos dois laboratórios de referência da Região nas últimas 24 horas, foram diagnosticados três casos positivos de covid-19 na ilha de São Miguel".

Os casos diagnosticados, segundo aquela entidade, "reportam-se a um indivíduo do sexo masculino, com 45 anos, e a dois indivíduos do sexo feminino, com 27 e 34 anos", os quais "desembarcaram na Região provenientes de ligações aéreas com o território continental".

Os três realizaram "testes de despiste previamente ao embarque" e apresentaram "comprovativo de resultado negativo para o vírus SARS-CoV-2 na chegada à Região", mas no seguimento da sua permanência no arquipélago, "foram realizados novos testes de despiste após o sexto dia" que deram os três "resultado positivo", adianta.

De acordo com a Autoridade de Saúde Regional, "todos apresentam situação clínica estável e foram já diligenciados, pelas Delegações de Saúde Concelhias, os procedimentos definidos para caso confirmado, testagem e vigilância de contactos próximos".

Quanto a um dos casos reportado no sábado como positivo, a entidade explica que "após investigação epidemiológica pela Delegação de Saúde Concelhia, foi apurado que já havia sido infetado no seu país de origem, tendo apresentado documentação e informação que sustentou a sua recuperação da infeção provocada pelo SARS-CoV-2", pelo que "ficará agora em vigilância ativa sob coordenação da Delegação de Saúde Concelhia".

No sábado, a Autoridade de Saúde dos Açores avançou terem sido diagnosticados seis casos positivos de covid-19 em São Miguel, quatro homens, entre os 13 e os 45 anos, e duas mulheres, com 22 e 37 anos de idade.

Daqueles casos reportados no sábado, cinco eram passageiros que desembarcaram na Região provenientes de ligações aéreas com o território continental a 06 e 07 de agosto, tendo obtido à chegada resultado positivo para o vírus SARS-CoV-2.

Já o sexto caso, reportado no sábado, era referente "a um indivíduo que desembarcou na ilha de São Miguel a 06 de julho, que obteve resultados negativos nos testes de despiste à chegada" e "após o sexto dia de permanência na Região", mas que na sexta-feira, ao apresentar "sinais e sintomas de infeção, contactou a Linha de Saúde Açores e foi validado como caso suspeito e submetido a recolha de amostra biológica e análise laboratorial" que obteve "resultado positivo".

Até ao momento, foram detetados na Região 188 casos de infeção pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, que causa a doença covid-19, verificando-se, atualmente, 27 casos positivos ativos, todos eles na ilha de São Miguel.

Desde o início da pandemia já foram registadas na região 16 mortes por infeção pelo novo coronavírus SARS-CoV-2.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.