Os casos foram diagnosticados em viajantes provenientes do estrangeiro nas cidades de Xangai (leste), Pequim (norte) e Tianjin (norte) e nas províncias de Sichuan (centro), Guangdong (sudeste), Yunnan (sul), Zhejiang (leste), Hunan (centro) e Gansu (norte).

A Comissão de Saúde da China adiantou que o número total de casos ativos é de 486, incluindo 14 em estado grave.

Desde o início da pandemia da covid-19, o país registou 91.693 casos da doença e 4.636 mortos.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos 3.893.974 vítimas em todo o mundo, resultantes de mais de 179.516.790 casos de infeção diagnosticados oficialmente, segundo o balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença respiratória é provocada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.