Em comunicado, o Hospital de Braga refere que a “disponibilidade imediata” para acolher doentes covid-19 provenientes de outros hospitais do país “surge pelo dever de trabalho em rede e de interajuda entre as instituições”.

“Sempre que a capacidade instalada o permitir, quer em enfermaria, quer em cuidados intensivos, o Hospital de Braga encontrar-se-á totalmente disponível para continuar a receber estes doentes”, acrescenta.

Até à data, para além da população da sua área de influência direta e indireta, o Hospital de Braga já acolheu, também durante a segunda vaga, quatro dezenas de doentes provenientes do Centro Hospitalar Tâmega e Sousa.

O Hospital de Braga contava hoje com 119 doentes covid-19 internados em enfermaria e 33 em cuidados intensivos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.