Marílio Costa Leite, de 48 anos, estava desaparecido desde domingo, dia em participava numa prova de todo o terreno, o Trail Rota das Capelas, em Marco de Canaveses.

De acordo com os Bombeiros Voluntários do Marco de Canaveses, o corpo do homem foi encontrado pelas 21:00, após mais de dois dias de buscas na freguesia de Soalhães.

Os sensores também detetaram o chip — utilizado pela organização para monitorizar os tempos e a localização do atleta à passagem da meta — colocado no dorsal.

O Coordenador Municipal da Proteção Civil, o Sargento Josias Alves, em declarações à SIC Notícias, adiantou que o corpo foi encontrado junto a uma capela a um 1km do local onde tinha sido visto pela última vez.

"Situava-se a cerca de 50 metros abaixo de uma estrada que segue para Lardosa" e "bastante longe" do percurso da prova em que o atleta, natural de Felgueiras, participava.

Questionado pela jornalista sobre a demora para encontrar o corpo, o coordenador municipal explicou que as buscas estavam concentradas noutros locais.

"[O corpo] estava num local em que não se julgava possível. Estava bastante longe do percurso [da prova]. Tinha sido visto a última vez bastante acima [do local], [pelo] que se concentraram as buscas nesses locais, onde a última foto tinha tirada", frisou Josias Alves à SIC.

Segundo a página na Internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEP), cerca das 21:45, encontravam-se 41 operacionais e 11 veículos no local.

(Notícia atualizada às 22:30)

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.