O comandante dos bombeiros indicou que o veículo, que serve para o transporte de doentes não urgentes, foi encontrado no bairro do Gurugu, na cidade espanhola de Badajoz.

Joaquim Branco explicou que a informação de que a viatura tinha sido encontrada foi dada aos bombeiros de Campo Maior, no distrito de Portalegre, cerca das 23:45 de quinta-feira, que depois a "canalizaram para as autoridades".

"A viatura está nas instalações da polícia, em Badajoz, intacta, está a ser submetida a perícias pela Polícia Científica espanhola e aguardamos a informação para a poder recuperar", adiantou o comandante dos bombeiros, indicando que não há suspeitos detidos ou identificados.

A Lusa contactou o Comando Territorial de Évora da GNR, que confirmou apenas que o veículo foi recuperado na quinta-feira, à noite, pela Guardia Civil espanhola, em Badajoz.

Segundo o comandante dos bombeiros, a viatura estava estacionada na parada do quartel e "há suspeitas de que tenha sido furtada entre as 06:00 e as 07:00" de quinta-feira.

Joaquim Branco explicou que durante a manhã de quinta-feira foi detetada a falta da viatura, tendo sido contactados os bombeiros que estavam ao serviço, o que permitiu confirmar que o veículo não estava a ser utilizado.

A participação do furto do veículo foi feita cerca das 13:00 de quinta-feira, no posto da GNR de Borba.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.