Segundo a mesma fonte, os acidentes apenas implicaram danos nos veículos.

Vários acidentes em algumas das principais entradas da cidade de Lisboa provocaram hoje condicionamentos de trânsito, num dia em que foram suprimidos vários comboios devido à greve dos trabalhadores da Infraestruturas de Portugal (IP) por aumentos salariais.

O Itinerário Complementar (IC) 17/CRIL, a Segunda Circular e o Eixo Norte-Sul foram locais de ocorrência desses acidentes.

Segundo o Portal de Tráfego da Estradas de Portugal, havia ainda condicionamentos no IC22, no IC2 e no IP7.

Os trabalhadores da IP fazem hoje uma greve para reclamar aumentos salariais de cerca de 4%, prevendo-se "fortes perturbações e supressões" na circulação de comboios, estando salvaguardadas 25% das ligações em Lisboa e no Porto.

Segundo a CP – Comboios de Portugal, num dia normal teriam circulado, entre as 00:00 e as 10:00, 463, comboios, mas hoje realizaram-se 137, ou seja, foram suprimidos 326.

Dos serviços mínimos decretados (25%), efetuaram-se até essa hora cinco comboios, referiu a mesma fonte.

Na Fertagus, que faz a ligação ferroviária na Ponte 25 de Abril, entre Lisboa e Almada, entre as 00:00 e as 09:39 circularam 16 dos 21 comboios habituais.

O próximo comboio na ponte só vai circular às 14:58.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.