“Às 9:00 de segunda a sexta-feira, 15 blocos pedagógicos temáticos ficarão acessíveis, num total de 75 por semana, à semelhança do que já acontece para o ensino básico”, indica um comunicado do ministério sobre o projeto #EstudoEmCasa.

A grelha dos 10.º, 11.º e 12.º anos do ensino secundário, foi construída para “abranger um número significativo de disciplinas e componentes do currículo das diferentes ofertas do Ensino Secundário", refere o ME.

Muitos dos blocos pedagógicos que serão disponibilizados aos alunos têm abordagens e formas de organização multidisciplinares, por exemplo a “Filosofia e Área de Integração” ou “Biologia e Geologia - Biologia - Estudo do Movimento”.

À semelhança do que acontece já no Ensino Básico, "há temas que serão desenvolvidos através da junção de disciplinas de áreas diferentes, permitindo aos alunos o desenvolvimento de aprendizagens de forma integrada”.

Este ano letivo será disponibilizado o bloco pedagógico de apoio à “Orientação para Trabalho Autónomo”, para que “os alunos possam desenvolver competências no âmbito da autorregulação e aprofundamento da sua aprendizagem de forma independente. Todos estes conteúdos são organizados em blocos temáticos que podem ser abordados sequencial ou isoladamente”, refere o ME.

O projeto #EstudoEmCasa tem várias plataformas: https://www.rtp.pt/play/estudoemcasa/ e em https://estudoemcasa.dge.mec.pt/ (recursos educativos utilizados na aula).

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.