Em declarações em Tóquio, no final da sua visita à Ásia Oriental, James Mattis afirmou que as ilhas Senkaku são abrangidas pelo tratado de defesa de longa data entre Washington e Tóquio.

“Deixei claro que a nossa política de longa data em relação às ilhas Senkaku se mantém — os Estados Unidos vão continuar a reconhecer a administração japonesa das ilhas. E assim, o artigo 5.º do tratado de segurança Estados Unidos-Japão aplica-se”, afirmou Mattis numa conferência de imprensa após um encontro com o seu homólogo nipónico.

O artigo 5.º compromete os Estados Unidos com a defesa do Japão ou dos territórios que administra contra qualquer ataque.

A posição de longa data dos Estados Unidos é que tal inclui as Senkaku, a que a China chama de Diaoyu.

As ilhas, que ficam numa zona rica em recursos piscatórios, estão no centro de uma disputa entre Tóquio e Pequim, que reivindica que fazem parte do território chinês há séculos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.