"Tratou-se de um incêndio numa zona de mato, mas que estava perto da zona urbana da Trafaria e de uma indústria de gás. O incêndio nesta fase está dominado e circunscrito e não chegou a colocar nada em risco", disse à Lusa Rui Jorge Martins, vereador da Proteção Civil da Câmara Municipal de Almada.

Segundo este responsável, foram mobilizados mais meios para o local de modo a criar perímetros de segurança para garantir que as habitações e a zona dos silos de combustíveis não seriam afetados pelas chamas que lavravam no mato.

"Não existem feridos nem habitações afetadas. Ainda estão algumas zonas a arder, por se tratar de locais de difícil acesso, mas em breve vamos entrar na fase de rescaldo", explicou.

Fonte do Centro Distrital de Operações de Socorro de Setúbal também confirmou que as chamas estavam dominadas e que foram combatidas por 136 operacionais e 39 viaturas de bombeiros de várias corporações da região de Setúbal.

O alerta para a ocorrência foi dado pelas 19:20.

(Notícia atualizada às 22h17)

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.