O Benfica informou hoje ter entregado um recurso no Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) “a impugnar a decisão e a requerer o decretamento de providência cautelar suspensiva dos efeitos do acórdão”, o que deverá impossibilitar o cumprimento da pena no próximo encontro no Estádio da Luz, com o FC Porto, em 07 de outubro, na sétima jornada da I Liga.

A fonte da FPF confirmou que o organismo já tinha sido citado pelo TAD do recurso do Benfica e que já tinha indicado o árbitro.

A sanção foi motivada por “reincidência no arremesso perigoso de tochas para o terreno do jogo”, em 21 de abril, no estádio do Estoril Praia, em jogo do campeonato da época 2017/18.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.